23 de novembro de 2012

Apelo - Ajudem a UPPA

Todos sabem como dou doida por animais, especialmente cães. Sigo várias associações pelo FB, e recentemente tive conhecimento do caso da Marilyn, uma cadela linda que foi abandonada pelos seus donos a poucos dias de dar à luz uma ninhada linda de 8 cãezinhos.

A UPPA acolheu-a e os bebés nasceram lá, esta semana. Como apaixonada por animais e especialmente por Labradores (uma vez que tenho um), faço aqui um apelo a todos os que possam ajudar a UPPA, por forma a que a associação possa continuar a ajudar esta mamã, assim como os seus filhotes e todos os outros animais que eles acolhem.

Uma das minhas melhores amigas é madrinha de um cão da UPPA e como vai lá muitas vezes, eu costumo mandar ajuda para a UPPA através dela. 
Mas quem quiser, pode ver outras formas de ajudar através do FB da associação ou do site.

E quem quiser conhecer a linda história da Marilyn, poderá ver aqui

Se poderem, a sério, ajudem. 
Há muitas pessoas a passar por dificuldades neste momento triste que o país atravessa, mas não podemos ignorar os animais que também estão a passar dificuldades, e que estão a ser cada vez mais abandonados. 



Esta é a Marilyn e os seus lindos bebés :)

8 comentários:

Ovelha Flor Guerreira disse...

Também sou defensora da cuasa animal. Tenho uma cadela e uma gata! Já vou ver ao facebook onde fica a Uppa.

OPINIÕES EM TEIA disse...

Tudo sofre com a crise, até os pobres animais...

*C*inderela disse...

Revolto-me com estas situações. O meu labrador veio do canil, também foi abandonado. Revolta-me.
Sabes se a ninhada está para adopção ou se já está dada até deixarem de mamar?

Bjokas

Dia - a - Dia disse...

Oh que lindos, pena as pessoas serem assim tão mázinhas :( Adoro animais.

Bjins

amiga da onça disse...

Fotos ternurentas, mesmo!

Palco do tempo disse...

que fofos :)
Bom fim-de-semana :)

O Sexo e a Idade disse...

Vou partilhar no meu FB pessoal!

Karina sem acento disse...

Fico perplexa como há gente tão fria que é capaz de abandonar os seus animais de estimação... fico mesmo revoltada!